Sony prepara corte de 10 mil funcionários em 2012

idgnowpor Nowdigital seg, 09/04/2012 - 13:05

A Sony vai cortar 10 mil empregos no mundo inteiro, cerca de 6% da sua força de trabalho, neste ano como parte de um plano de restruturação criado pelo novo presidente da companhia, Kazuo Hirai, afirmou hoje o Nikkei, maior jornal de negócios do Japão.

De acordo com o jornal japonês, que não cita fontes, os cortes devem ser feitos nas áreas de manufatura e gerenciamento, diferente das reduções anteriores, em que os principais “alvos” eram os setores de vendas ou uma combinação das suas fábricas.

A demissão de 10 mil funcionários inclui o corte de cerca de 5 mil posições de trabalho informado pela Sony recentemente e que afeta várias áreas de negócios que não são fundamentais para a companhia, incluindo operações químicas e a produção de telas pequenas e médias de LCD. Ainda não está claro se esses funcionários vão manter seus empregos após serem transferidos para fora da empresa. A reportagem do Nikkei não especificou de onde os outros cortes viriam.

Um porta-voz da Sony afirmou que a companhia não tem comentários a fazer sobre a reportagem, que foi publicada apenas dias antes do presidente da Sony, fazer um comunicado sobre seus planos para melhorar a situação da companhia. Hirai fará  uma entrevista coletiva de imprensa nesta quinta-feira, 12/4, para falar sobre sua estratégia.

A Sony, que tem perdas de 2,7 bilhões de dólares durante o ano fiscal que acabou em março, está se movimentando para voltar a focar em seus mercados principais de aparelhos eletrônicos, como smartphones e tablets, além de serviços de rede. 

Hirai já disse repetidas vezes que os cortes de empregos são uma possibilidade e que nenhuma área da empresa está fora de risco. O executivo assumiu o lugar de Howard Stringer, que estava no cargo desde 2005 e também realizou cortes de milhares de empregos. Até o final de março, a Sony tinha quase 170 mil funcionários no mundo todo.

COMENTÁRIOS dos leitores