Mourão diz que Brasil sofre pressão de países europeus

Vice-presidente saiu em defesa de Paulo Guedes sobre a Amazônia

sab, 08/08/2020 - 13:38
Marcos Correa/PR Mourão diz que países europeus 'não fizeram trabalho deles em outro período da história' Marcos Correa/PR

O vice-presidente Hamilton Mourão saiu em defesa do ministro da Economia, Paulo Guedes, após declarações sobre países estrangeiros estarem pressionando o Brasil por conta do aumento do desmatamento na Amazônia. Mourão afirmou que o Governo sofre pressão de países que "não fizeram o trabalho" de preservação das próprias florestas.

"A gente sofre determinadas pressões oriundas de países que não fizeram o trabalho deles em outro período da história", afirmou o vice-presidente. A resposta veio ao ser questionado sobre a participação de Paulo Guedes, em uma videoconferência promovida por um instituto de Chicago (EUA), na última quinta-feira (6).

Na transmissão ao vivo, Guedes, pediu que governos sejam "gentis" com o Brasil porque eles "destruíram" as próprias florestas. "Nós entendemos sua preocupação. Tendo vivido tudo o que vocês viveram, vocês querem nos poupar de destruir nossas florestas, como vocês destruíram as de vocês. Vocês querem nos poupar de perseguir índios, nativos. Nós entendemos isso", afirmou ministro.

Mourão, atualmente, chefia o Conselho Nacional da Amazônia Legal e tem se reunido com investidores nacionais e internacionais para discutir a proteção do meio ambiente. Ele afirma que, mesmo após as declarações do ministro, as falas não atrapalhariam as negociações. "O Guedes não atrapalha, ele só ajuda", disse em entrevista.

COMENTÁRIOS dos leitores