Até quando deve chover em São Paulo? Veja a previsão

A cidade permanece em estado de atenção para baixas temperaturas, decretado pela Defesa Civil Municipal desde o dia 11 de maio

qui, 15/06/2023 - 12:56
Rovena Rosa/Agência Brasil Pessoas caminhando por rua de São Paulo Rovena Rosa/Agência Brasil

A capital paulista amanheceu nesta quinta-feira (15) com tempo fechado e chuvoso. O clima permanece instável ao longo do dia, de acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da Prefeitura de São Paulo. "A propagação de áreas de instabilidade associadas a uma baixa pressão provoca chuva fraca a moderada. Por causa disso, a temperatura não varia muito", afirmou o CGE. A temperatura deve ficar entre 14ºC e 19ºC, segundo a Climatempo. A chuva dará uma trégua nesta sexta-feira (16), mas retornará no domingo (18) com previsão de pancadas de chuva.

Vale lembrar que a cidade permanece em estado de atenção para baixas temperaturas, decretado pela Defesa Civil Municipal desde o dia 11 de maio.

Para sexta-feira (16) a previsão é de muitas nuvens pela manhã e abertura de sol à tarde. A temperatura permanece baixa, mas não há expectativa de chuva significativa.

Veja abaixo a previsão do tempo para os próximo dias:

- Quinta-feira: Entre 14ºC e 19ºC - dia chuvoso;

- Sexta-feira: Entre 11ºC e 18ºC - não há previsão de chuva;

- Sábado: Entre 9ºC e 18ºC - não há previsão de chuva;

- Domingo: Entre 12ºC e 17ºC - previsão de pancadas de chuva;

- Segunda-feira: Entre 12ºC e 19ºC - sem previsão de chuva.

Também não há previsão de chuva entre terça-feira, 20, e quarta-feira, 21, da semana que vem, segundo a Climatempo. Já para quinta-feira, 22, a expectativa é de chuva rápida no decorrer do dia. A temperatura máxima subirá um pouco até lá, ficando um pouco acima dos 20ºC.

Litoral de São Paulo permanece em alerta

Em razão da passagem de uma frente fria e a circulação de ventos nos diferentes níveis da atmosfera, o tempo virou no Estado de São Paulo desde a última terça-feira, 13. Segundo a Climatempo, a chuva permanece intensa no litoral paulista.

Na madrugada, os volumes em média variaram entre 150 mm até 300mm (de forma muito pontual) em alguns municípios da região litorânea.

Na quarta-feira, 14, a Climatempo informou que nas 24 horas anteriores, a chuva acumulou cerca de 125 a 176 mm em vários pontos, entre Toque Toque Pequeno e Boiçucanga. A Defesa Civil de São Paulo emitiu para risco de deslizamentos, desabamentos, alagamentos e enchentes.

O órgão recomenda às pessoas que moram em áreas de risco que observem os sinais de movimentação do solo, como postes e árvores inclinadas, rachaduras nas paredes e portas e janelas emperradas. Diante de sinais de alerta, a orientação é sair imediatamente do local e acionar a Defesa Civil pelo telefone 199.

Conforme a Climatempo, o litoral de São Paulo segue com aviso para ressaca ainda nesta quinta-feira. Na região de Santos, as ondas podem chegar a 2,5 metros de altura. Além da ressaca, ventos podem variar em torno de 50 a 70 km/h.

Ciclone extratropical no Sul

Nesta quinta-feira, a formação de um ciclone extratropical próximo à costa de Santa Catarina irá intensificar as condições de chuva volumosa em muitas áreas da região sul do País. "Os acumulados poderão ser bastante elevados do centro ao norte do Rio Grande do Sul, e também na região metropolitana de Porto Alegre e na serra gaúcha", projeta a Climatempo.

"Estão previstos temporais pela maioria destas áreas e o risco para ocorrências como alagamentos, deslizamentos, enxurradas e inundações é muito alto", alerta a empresa brasileira de meteorologia.

Comuns na costa do Sul e do Sudeste do Brasil, os ciclones extratropicais podem ocasionar ventania intensa e muita chuva, dependendo da sua força e proximidade com o continente.

COMENTÁRIOS dos leitores