Pará já tem mais de 100 mil casos confirmados de covid-19

Mortos são 4.920. Governo lança plano de testagem em 52 municípios para tentar controlar a pandemia do novo coronavírus.

por Antônio Carlos seg, 29/06/2020 - 19:15
Agência Pará Governo do Pará divulgou plano de testagem em massa no Estado Agência Pará

O Pará já ultrapassou os 100 mil casos de covid-19, segundo o último boletim epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa). Até as 18 horas desta segunda-feira (29) haviam sido identificados exatos 103.206 pacientes com a doença do novo coronavírus; 4.920 morreram. O detalhamento de casos e óbitos, com gênero, idade e cidade, está disponível aqui

Em Belém, a Secretaria Municipal de Saúde (Sesma) notificou 18.751 casos de covid-19, com 1.876 mortes. O prefeito Zenaldo Coutinho já liberou as atividades comerciais e prepara a reabertura de restaurantes e academias neste início de julho.

Com atividades não essenciais liberadas em vários municípios, o governo lançou uma pesquisa epidemiológica para mapear a infecção pelo novo coronavírus, além de medir a expansão da pandemia em Belém e municípios do interior. Oito regiões do Estado serão acompanhadas, informa a Agência Pará.⁣

Os resultados do estudo "Evolução da Prevalência de Infecção por Covid-19" vão subsidiar o planejamento e a implementação de políticas públicas eficientes para o enfrentamento da doença.

A pesquisa será aplicada em 52 municípios paraenses, escolhidos conforme setores censitários do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Em todas as cidades serão desenvolvidos inquéritos epidemiológicos, tanto na zona rural quanto na urbana. 

O levantamento será dividido em duas etapas: a primeira será a aplicação de questionários de múltipla escolha, para identificar o perfil demográfico e socioeconômico da população, assim como a presença ou não de sintomas da doença, a relação com a pandemia e com as medidas de proteção contra o vírus; a segunda será a testagem aleatória para a covid-19, chamada de "Teste do IGG", já nesta terça-feira (30), em Belém e Ananindeua, na Região Metropolitana de Belém. 

Na próxima semana, a partir do dia 6 de julho, a testagem segue para os outros 50 municípios. Após 20 dias, em média, a mesma metodologia é repetida nas localidades.

A pesquisa utilizará os testes rápidos como base, os quais emitem resultados após 15 ou 20 minutos e indicam se a pessoa tem ou não os anticorpos do novo coronavírus.

Com informações da Agência Pará.

COMENTÁRIOS dos leitores