Representantes dos usuários sugerem tarifa única de R$2,88

O cálculo foi feito com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA)

por Lídia Dias sab, 02/02/2019 - 11:08
Rafael Bandeira/LeiaJáImagens/Arquivo Atualmente a passagem da tarifa A na RMR é de R$3,20 Rafael Bandeira/LeiaJáImagens/Arquivo

Representantes dos usuários de transporte público no Conselho Superior de Transporte Metropolitano (CSTM) enviaram um ofício ao secretário de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Marcelo Bruto, nessa sexta-feira (1º), que propõe o reajuste da tarifa única dos ônibus que circulam na Região Metropolitana do Recife (RMR) para R$ 2,88. O documento é assinado por Pedro Josephi e Márcio Moraes, que também são membros da Frente de Luta Pelo Transporte Público de Pernambuco (FLTP).

O cálculo foi feito com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). De acordo com o documento, o Manual de Operações do Sistema de Transporte Público de Passageiros da Região Metropolitana do Recife – STPP/RMR, prevê que o reajuste das passagens seja realizado com base no IPCA e que o Preço de Remuneração ao Operador (PRO), que corresponde ao valor monetário por passageiro pago às empresas de ônibus, não incidam diretamente no preço da passagem para o usuário.

O ofício foi elaborado em resposta à convocação extraordinária de reunião do Conselho Superior de Transporte Metropolitano (CSTM) que visa abordar o “reequilíbrio econômico-financeiro”, no dia 12 de fevereiro. Em janeiro, o FLTP conseguiu suspender reunião que iria discutir o aumento dos preços da passagem na RMR.

O Grande Recife Consórcio de Transporte já apresentou proposta de 7,07% de reajuste enquanto os empresários de ônibus pleiteiam 16,18% de aumento.

LeiaJá também

--> TJPE nega recurso do governo sobre aumento de passagem

--> Grupo organiza ato contra aumento das passagens de ônibus

--> Passagem deveria ser de R$ 2,70, diz articulação civil

--> Grupo protesta contra o aumento da passagem de ônibus

--> Liminar suspende reunião sobre aumento de passagens na RMR

COMENTÁRIOS dos leitores