Medalhistas ganham prêmio extra: 30 segundos sem máscara

Ainda assim, os medalhistas olímpicos são estimulados a não abusarem da flexibilização das normas dos Jogos de Tóquio, marcados por rígidas medidas contra Covid-19

seg, 26/07/2021 - 10:43
Tauseef MUSTAFA Italiana Diana Bacosi com sua medalha de prata pela prova de tiro skeet feminino, nos Jogos Olímpicos 2020, em Tóquio, 26 jul. 2021 Tauseef MUSTAFA

Os atletas olímpicos têm um novo incentivo para ganhar uma medalha, depois que os organizadores anunciaram que poderão remover a máscara por 30 segundos para tirar uma foto no pódio.

Ainda assim, os medalhistas olímpicos são estimulados a não abusarem da flexibilização das normas dos Jogos de Tóquio, marcados por rígidas medidas contra Covid-19.

"A ideia é dar aos atletas que estão competindo a possibilidade de tirar a máscara por 30 segundos, posando, assim, para as fotos no pódio", afirmou o porta-voz do Comitê Olímpico Internacional (COI), Mark Adams, nesta segunda-feira (26).

"Acho que todos vão apreciar isso (...) o risco é muito, muito baixo (...)", acrescentou.

A orientação geral para os atletas é usar a máscara todo tempo, salvo quando estão treinando, competindo, comendo, bebendo, ou dormindo. Além disso, são submetidos a testes diários de covid-19.

Agora, no pódio, pede-se a eles que removam brevemente suas máscaras para os fotógrafos.

Adams insistiu em que os atletas não devem abusar das regras, devendo manter a máscara, a menos que recebam instruções para tirá-las.

"Estamos fazendo um grande esforço diário para lembrar a todos que devem manter suas máscaras", garantiu.

Até agora, neste mês, 153 pessoas relacionadas aos Jogos testaram positivo para covid-19. Cerca de 85% dos atletas estão vacinados, segundo o COI.

COMENTÁRIOS dos leitores