Como aproveitar o período de festas para buscar um emprego

Especialista em recrutamento dá dicas de como aproveitar o aumento na busca por profissionais durante o período natalino e de réveillon, assim como no início do ano, para sair do desemprego

por Thaynara Andrade qua, 22/12/2021 - 07:30
Unsplash . Unsplash

Além dos momentos de confraternização e descanso, para quem está desempregado, o final do ano pode ser um ótimo momento para encontrar um novo emprego. Isso porque com a alta nas demandas de setores como serviços e comércios, o mercado de trabalho volta a se movimentar e gerar novas oportunidades profissionais. Segundo a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) é esperado que até a virada do ano o varejo e o comércio abram mais de 105 mil vagas.

Em entrevista ao LeiaJá, Juliana Ribeiro, que é gerente de RH na Page Personnel, empresa especializada em recrutamento, explica que enquanto setores como indústrias finalizam suas produções mais cedo, o que não gera tanta necessidade de se buscar mais colaboradores, outras áreas recebem uma alta demanda o que pode abrir espaço para novas contratações:

“Segmentos como tecnologia, serviços e varejo, normalmente seguem um ritmo mais acelerado, como no caso de hotéis e restaurantes. O fato de termos um final de ano com uma maior abertura de comércio, com a população vacinada, deixa o mercado mais confiante de forma geral para tomar decisões de contratação. Esse contexto é diferente de 2020, em que não se tinha tanta visibilidade sobre possíveis restrições às atividades”, afirma Juliana.

Para os profissionais que desejam uma nova oportunidade na carreira, o LeiaJá separou algumas dicas que podem facilitar bastante a captação de uma nova vaga nestas últimas semanas até a mudança de ano, confira:

Saiba onde procurar oportunidades

Como já citado, nem todos setores têm essa alta na busca por profissionais, por isso, é interessante focar em áreas específicas na hora de enviar os currículos. “O contexto de final de ano/verão faz com que se tenha um aumento de demanda em setores envolvendo varejo, turismo e lazer, principalmente com a melhora no país em relação à pandemia. Tecnologia também é um segmento que continua acelerado.”, explica a gerente em RH Juliana Ribeiro.

Aceite as vagas temporárias

Para quem está desempregado e busca algo mais sólido, nem sempre vagas temporárias são interessantes à primeira vista. Porém, o recomendado é que o trabalhador não deixe passar as oportunidades, já que um vaga temporária pode render uma futura contratação, servir de experiência no currículo e também facilitar o networking com outros profissionais, segundo Juliana.

“Em primeiro lugar, muitas vagas temporárias podem virar permanentes: se uma empresa já planeja contratar profissionais efetivos após o período de final de ano, as pessoas que já estão lá ou têm essa experiência são fortes candidatos. Se esse não for o caso, ainda assim é uma oportunidade de fazer networking, e de garantir uma renda mesmo que por um período determinado”, afirma a gerente.

Busque vagas no seu perfil

Tendo em vista que os empregos de fim de ano podem levar a contratações efetivas e também ser adicionado ao currículo, é interessante direcionar a busca para atividades que possam valorizar o caminho desejado para a carreira profissional. De acordo com Juliana, “em todas as situações, o mais interessante é buscar oportunidades dentro da sua área de atuação ou na área em que o profissional deseja seguir carreira, de forma que o projeto temporário tenha relevância no currículo do profissional.”

Como encontrar essas vagas

Além da forma tradicional que é a entrega currículos em empresas ou através de conhecidos, atualmente o profissional tem a possibilidade de enviar seus currículos e demonstrar interesse em uma vaga por meio da internet. A gerente especializada em recrutamento dá algumas dicas:

“Minha recomendação é ficar de olho nos principais portais de vagas on-line disponíveis onde ocorrem os processos seletivos. Vale mencionar que esses portais são gratuitos para candidatos. Além disso, o profissional pode buscar por empresas onde gostaria de trabalhar, em determinada região ou em segmentos específicos, e acessar em cada uma delas as páginas de “Trabalhe Conosco”. Outra dica é grupos em redes sociais como Facebook e LinkedIn, para determinadas áreas de atuação e onde normalmente também são divulgadas oportunidades.”

Destaque suas habilidades e experiências

Atualize seu currículo para que as informações se tornem mais atrativas para os contratantes e lembre-se de destacar na entrevista as experiências, capacitações e demais pontos que demonstrem que você pode desempenhar aquela função. “É essencial que o profissional saiba utilizar seu histórico profissional tanto no currículo quanto na entrevista, em caso de uma experiência antiga na mesma área ou função, vale a pena deixar claro que realizou essa atividade.”, conclui Juliana.

COMENTÁRIOS dos leitores