Frota garante que não será ministro no governo Bolsonaro

“Não faço parte da equipe de transição, não terei ministério, sou apenas um entusiasta e fui eleito como deputado federal”, disse

por Taciana Carvalho qui, 08/11/2018 - 20:12
Reprodução/Facebook Reprodução/Facebook

 O deputado federal eleito Alexandre Frota (PSL) deu abertura a uma série de especulações ao aparecer em uma foto durante uma reunião, nesta quinta-feira (8), do governo de transição. No entanto, o ex-ator pornô garantiu que não será ministro na gestão do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) durante uma entrevista à imprensa. 

“Não faço parte da equipe de transição, não terei ministério, sou apenas um entusiasta e fui eleito como deputado federal para poder no ano que vem estar lutando lá”, afirmou Frota contando que sua reunião foi com o futuro chefe da Casa Civil, o deputado federal Onyx Lorenzoni (DEM) e também foi ao encontro dele para pegar um livro intitulado “Ascensão e queda do império petista”.

O ex-ator também disse que foi desejar boa sorte. “Agradecer tudo que eles estão fazendo para mudar a situação do nosso país. Que as escolhas que eles estejam fazendo sejam escolhas corretas, coerentes e que possam realmente dar um rumo a este país”. 

“Vim só falar para ele [Onyx] que a gente precisa entre outras coisas ficar atento com a parte da cultura, tudo que aconteceu com a cultura nos últimos anos. Isso tudo precisa de uma certa maneira encerrar essa fase. A gente espera que o ministro possa dar um rumo aparar as arestas referentes a cultura, que é uma área que a gente sabe que teve sérios problemas”, complementou. 

Apesar de se mostrar preocupado com a área cultural, ao ser questionado se o ministério da Cultura deve ser mantido, ele não respondeu. “Acho que é uma decisão deles. O que eles decidirem, eu sou apenas um deputado federal e vou para a luta”. 

 

COMENTÁRIOS dos leitores