Opinião Brasil discute as reservas extrativistas

Participam da edição a professora da UFPE, Mônica Costa, e a pesquisadora da Fundaj, Beatriz Mesquita

por Marília Melo seg, 29/09/2014 - 10:01

O programa Opinião Brasil desta segunda-feira (29) traz como pauta as reservas extrativistas. Para participar falar sobre o tema, o apresentador Thiago Graf recebe nos estúdios do Portal LeiaJá, a professora da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Mônica Costa, e a doutoranda e pesquisadora da Fundação Joaquim Nabuco (FUNDAJ), Beatriz Mesquita. 

O programa inicia explicando como funcionam, de fato, as reservas extrativistas, que são unidades de conservação de uso sustentável, buscando defender a biodiversidade. As 'resex', como são chamadas, tem como principal objetivo proteger os meios de vida e a cultura dessas populações, assegurando o uso sustentável dos recursos naturais.

“A costa nordestina está vivendo um processo de criação de um plano de manejo - que não é um processo rápido - para a criação dessas resex. Essa demora acontece porque é necessário haver estudos científico e técnico, além também um processo político para que essa resex seja criada”, explica Beatriz Mesquita sobre o processo de criação das resex. 

A utilização dos recursos naturais para utilidade pessoal ou comercial é aprovada, desde que isto esteja claro no plano de manejo. “As comunidades podem e devem utilizar os recusos também para fins comerciais. Isso porque eles empregam mais pessoas, dão qualificação e meios para a comunidade canalizar recursos”, acrescenta a professora da UFPE Mônica Costa. 

Confira todos os detalhes no vídeo. O Opinião Brasil é exibido toda semana aqui, no Portal LeiaJá.

COMENTÁRIOS dos leitores