Polícia investiga vazamento de fotos do corpo de Sala

Imagens foram postadas nas redes sociais

dom, 28/04/2019 - 12:06
LOIC VENANCE/AFP LOIC VENANCE/AFP

A polícia britânica iniciou neste domingo (28) uma investigação para identificar os responsáveis de terem vazado na internet algumas fotos do corpo do jogador Emiliano Sala, morto em janeiro após um acidente aéreo no Canal da Mancha.

O vazamento ocorreu apenas dois dias após a morte do pai do argentino, Horacio, em Progreso, na província de Santa Fé. De acordo com as autoridades, "alguém invadiu o necrotério e tirou as fotos" do corpo de Sala.

"Estamos enojados que alguém fez isso. É um momento muito difícil para a família de Sala e eles não deveriam ter que suportar uma dor adicional que esse ato vergonhoso sem dúvida causará", informou a polícia do condado de Dorset, no Reino Unido.

Ainda segundo as autoridades, a imagem estava no Twitter, mas rapidamente foi retirada da rede social.

"Uma teoria é que alguém invadiu o necrotério e tirou essas fotos. Estamos investigando este incidente e trabalhando com várias agências para estabelecer como a foto foi tirada e quem é o responsável", afirmou a polícia local.

Vivendo o auge da carreira no Nantes, o contrato de Sala com o Cardiff foi assinado em 21 de janeiro, mesmo dia que o avião que levava o atleta da França para o País de Gales caiu no Canal da Mancha. O corpo do argentino foi encontrado no fundo do mar somente 18 dias depois. Já o piloto da aeronave, David Ibbotson, continua desaparecido.

Sala, de 28 anos, era a contratação mais cara da história do Cardiff, clube de Gales que disputa a elite do Campeonato Inglês.

Da Ansa

COMENTÁRIOS dos leitores